UA-116285209-1
  • Dr. Bruno Benigno

10 Coisas que você precisa saber sobre Cateter de Duplo J.

Cateter de Duplo J




  • O que é o cateter de duplo j?

O cateter duplo J um dispositivo flexível tubular de 10 cm a 35 cm, do calibre aproximado de uma carga de caneta e que tem a finalidade de garantir o fluxo de urina entre o rim e a bexiga. A urina pode fluir tanto pelo canal de drenagem interno, quanto pela superfície externa do cateter.

É frequentemente usado após procedimentos por endoscopia na via urinária (sem cortes), para tratamento de pedras ou estreitamentos do ureter.

O nome duplo j vem da característica em forma de J das extremidades, que tem a finalidade de garantir o correto posicionamento do cateter.


Quando usar o cateter de duplo j?

Comumente é usado após cirurgias para o tratamento de cálculos nos rins e ureter. Pode ser usado também em qualquer cirurgia abdominal em que exista o risco de obstrução ao fluxo normal de urina.


  • Onde é colocado o cateter de duplo j?

A extremidade superior do cateter de duplo j fica posicionada no sistema coletor de urina no rim. A extremidade inferior deve repousar no interior da bexiga.


  • Como é feito o implante de cateter de duplo j?

Existem 3 formas de implantar o cateter de duplo j

a - Através de uma microcâmera introduzida pela uretra. Nesta modalidade, o urologista identifica o orifício de drenagem do ureter dentro da bexiga e avançar o cateter utilizando finos fios especiais como guia. O posicionamento adequado do cateter é verificado utilizando uma máquina de RX durante o procedimento.


b- Através da técnica percutânea. Nesta modalidade o cirurgião faz uma incisão de 8mm nas costas, ao nível do rim a ser operado, e implanta o cateter de forma semelhante ao descrito na técnica anterior


c- Através de uma cirurgia aberta ou por vídeo. Nesta modalidade o cirurgião acessa o interior da cavidade abdominal (de forma aberta ou por vídeo), identifica o canal de ligação entre o rim e a bexiga (ureter), faz uma pequena abertura e implanta o cateter. Ao final, fecha a pequena abertura e segue para outros passos, a depender do tipo de cirurgia desejada.


  • Qual o tempo de permanência do cateter de duplo j?

O tempo de permanência varia em cada pessoa. Para Procedimentos rápidos, como o tratamento de cálculos renais, o cateter costuma ser retirado em até 1 semana.

Em pacientes em tratamento para câncer, o cateter costuma ser trocado a cada 3 meses.


Existem cateteres de material altamente resistente e projetados para serem trocados a cada 8 meses mas não são usados com frequência.


  • Como é feita a retirada do cateter de duplo j?

A retirada do cateter duplo J é um procedimento simples, feito em clínicas especializadas em urologia ou em hospital-dia. Para maior conforto do paciente, utilizamos anestesia local e uma sedação leve.


O urologista introduz uma micro câmera através da uretra, acoplada a uma pinça adaptada para retirar o cateter pela sua ponta posicionada na bexiga.

Não há necessidade de preparo especial para o procedimento e os pacientes recebem alta imediatamente após a retirada do dispositivo.


É comum a ocorrência de pequenos sangramentos após a retirada do catéter, ou mesmo um desconforto leve durante a micção. Estes sintomas são facilmente controlados com a utilização de analgésicos e anti-inflamatórios por um curto período de tempo.


Em alguns casos pode ser necessário a utilização de antibióticos por alguns dias após o procedimento.


Para facilitar ainda mais a retirada do cateter seu urologista pode colocar um pequeno fio de nylon preso na extremidade do cateter. O fio é exteriorizado pela uretra e fixado com esparadrapo na parte interna da coxa.


Através da tração delicada deste fio é possível remover o cateter sem a necessidade de introduzir a micro câmera diretamente na bexiga.


Posso ter relação com usando o cateter de duplo j?

Sim manter relações sexuais não é contra indicado em pessoas que usam o cateter duplo J.


  • Cuidados com o cateter de duplo j

Não há Cuidados específicos relacionados ao cateter, contudo recomenda-se a ingestão de líquidos, como água e sucos naturais em grande quantidade.

Além disso, evitar segurar o desejo miccional por muito tempo, assim como evitar atividades físicas intensas, como corridas e pedaladas extenuantes.

Pode ser necessário a utilização de antibióticos e medicações anti-inflamatórias durante o uso do dispositivo.


  • É normal sentir dor usando o cateter de duplo j?

A dor não é comum, contudo algumas pessoas relatam sensação de peso ou desconforto nas costas e na região baixa do abdômen.

Caso surja febre, mal estar geral, calafrios, perda do apetite ou desconforto intenso para urinar, é fundamental que a equipe médica seja informada.

A pielonefrite aguda pode ser uma complicação relacionada à utilização do cateter. Felizmente é um evento raro e responde muito bem ao tratamento estabelecido.


  • Quais os sintomas normais ao usar o cateter de duplo j

Desconforto para urinar, ardência ou mesmo pequenos sangramentos podem ocorrer durante o uso do cateter.


Por: Dr. Bruno Benigno

CRM SP 126265



12,383 visualizações

©  2019 por Clínica Uro Onco. Responsável técnico: Dr. Bruno Benigno CRM SP: 126265

  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • YouTube ícone social
  • Twitter ícone social
  • Facebook ícone social
  • Google+ ícone social