top of page

Novo tratamento com imunoterapia mostra-se seguro e promissor contra cânceres de próstata



Novo tratamento com imunoterapia mostra-se seguro e promissor contra cânceres de próstata de alto risco


Introdução:

Hoje vamos falar sobre uma nova esperança no tratamento do câncer de próstata de alto risco. Um estudo de fase 2 liderado pelo Centro de Câncer Johns Hopkins Kimmel e seu Instituto Bloomberg~Kimmel de Imunoterapia contra o Câncer descobriu que um novo medicamento, chamado enoblituzumab, pode ser seguro e eficaz no combate ao câncer de próstata agressivo. Se confirmado por estudos adicionais, o enoblituzumab poderá se tornar o primeiro agente de imunoterapia baseado em anticorpos promissor contra o câncer de próstata.


Descrição do estudo:


O estudo clínico envolveu 32 homens com câncer de próstata de alto risco ou muito alto risco que seriam submetidos à cirurgia para tratar o câncer. Esses homens receberam seis infusões semanais de enoblituzumab antes da cirurgia e foram acompanhados por uma média de 30 meses após o procedimento. Surpreendentemente, 21 pacientes, ou 66%, apresentaram níveis indetectáveis do antígeno específico da próstata (PSA) 12 meses após a cirurgia, indicando a ausência de doença residual. Além disso, o medicamento foi bem tolerado, e nenhum paciente apresentou atrasos cirúrgicos ou complicações médicas durante ou após a operação.

Como o enoblituzumab funciona:


O enoblituzumab é um anticorpo monoclonal que se liga a uma proteína chamada B7-H3, que é superexpressa nas células do câncer de próstata e acredita-se que impeça o sistema imunológico de atacar as células cancerosas. Esse novo tratamento pode ter um efeito duplo no combate ao câncer, bloqueando a inibição do sistema imunológico pela B7-H3 e ativando um processo chamado citotoxicidade celular dependente de anticorpos (ADCC), que leva à destruição das células tumorais por meio da ativação de outras células do sistema imunológico.

Resultados e perspectivas futuras:


Os resultados preliminares desse estudo são promissores, porém, ainda precisam ser confirmados por estudos maiores e randomizados. Caso o enoblituzumab continue apresentando bons resultados, ele poderá representar um novo caminho para a imunoterapia contra diversos tipos de câncer, sendo o primeiro a demonstrar eficácia contra o câncer de próstata. Atualmente, outros medicamentos de imunoterapia baseados em anticorpos têm como alvo os pontos de verificação imunológicos, como CTLA-4, PD-1 e LAG-3. No entanto, esses medicamentos não têm mostrado sucesso no tratamento do câncer de próstata. Portanto, o enoblituzumab oferece uma nova esperança nessa área.


Efeitos colaterais e próximos passos:


Os efeitos colaterais do enoblituzumab foram geralmente leves e incluíram fadiga, sintomas neurológicos como dor de cabeça ou tontura e sintomas semelhantes aos de gripe ou resfriado. Um paciente desenvolveu inflamação do coração (miocardite), que foi totalmente resolvida com tratamento com esteroides. Esse efeito colateral é conhecido em outros medicamentos de imunoterapia baseados em pontos de verificação imunológicos.


Os pesquisadores também investigaram as mudanças no microambiente tumoral antes e depois do tratamento com enoblituzumab. Eles observaram um aumento nos marcadores de citotoxicidade após o tratamento, indicando que o sistema imunológico foi ativado contra as células tumorais. Os tumores também mostraram aumento na infiltração de granulócitos, leucócitos e células T efetoras, e houve aproximadamente o dobro da densidade de células T citotóxicas após o tratamento.


No entanto, é importante ressaltar que esses resultados são exploratórios e precisam ser confirmados em estudos maiores. O autor sênior do estudo, Emmanuel S. Antonarakis, destaca a necessidade de desenvolver abordagens terapêuticas combinadas que incluam o direcionamento da B7-H3 para otimizar a atividade antitumoral no câncer de próstata e em outros tipos de tumores sólidos.

Os pesquisadores agora planejam um estudo maior e randomizado do enoblituzumab em pacientes recém-diagnosticados com câncer de próstata, a fim de avaliar a atividade clínica do medicamento em comparação com os tratamentos padrão atuais.


Essa descoberta é promissora e oferece uma nova perspectiva no tratamento do câncer de próstata de alto risco. Caso os resultados sejam confirmados em estudos futuros, o enoblituzumab pode representar uma mudança de paradigma no tratamento dessa doença, possibilitando a eliminação de doenças micro metastáticas e prevenindo a recorrência em um número significativo de homens.

Lembrando sempre que é fundamental consultar um médico especialista para obter informações e orientações adequadas sobre tratamentos para câncer de próstata.




🔸Não deixe para amanhã cuidados que precisam ser diários! ☎(11) 2769-3929 📱(11) 99590-1506

Faça contato direto pelo whatsapp: 📲 https://bit.ly/2HCRkgt

Agende online: http://bit.ly/2WMMiCI

Rua Borges Lagoa 1070, Cj 52 Vila Mariana - São Paulo - SP

Dr. Bruno Benigno - CRM: 126.265



180 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page