UA-116285209-1
 
  • Dr. Bruno Benigno

10 Fatos Importantes sobre a Cirurgia Robótica para o tratamento do Câncer de Próstata

Por: Dr. Bruno Benigno [Urologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz SP e diretor da Clínica Uro Onco] CRM Sp: 126265.


A cirurgia robótica é um dos procedimentos mais modernos para o tratamento do câncer. Na urologia, costuma ser usada em procedimentos complexos para o tratamento do câncer de rins, bexiga e próstata. Através deste dispositivo, o médico cirurgião comanda o robô através do sistema de cirurgia daVinci (foto).


Além de oferecer movimentos mais precisos e estáveis, os quais as mãos humanas sozinhas não conseguem garantir, oferece mais benefícios para o médico e sua equipe.(1–7)

No final, o paciente é o maior beneficiado. Veja o porquê:


  1. é menos invasiva

  2. menor perda de sangue

  3. menor tempo de hospitalização

  4. recuperação mais rápida do paciente

  5. correção de pequenos e eventuais tremores da mão humana

  6. menor dor no pós operatório

  7. melhor cicatrização (incisões cirúrgicas menores)

  8. os pacientes raramente necessitam de analgésicos fortes

  9. permite a realização de procedimentos extensos e demorados com maior conforto para o médico e sua equipe

  10. recuperação mais rápida da continência urinária e ereção, em homens submetidos à retirada da próstata


Você sabe como é a sala real de uma cirurgia robótica de Câncer Próstata? No vídeo abaixo mostramos como é a sala e como funciona o passo a passo da cirurgia:




Referências:

1. Kishan AU, Cook RR, Ciezki JP, Ross AE, Pomerantz MM, Nguyen PL, et al. Radical Prostatectomy, External Beam Radiotherapy, or External Beam Radiotherapy With Brachytherapy Boost and Disease Progression and Mortality in Patients With Gleason Score 9-10 Prostate Cancer. JAMA. 6 de março de 2018;319(9):896.

2. Hamdy FC, Donovan JL, Lane JA, Mason M, Metcalfe C, Holding P, et al. 10-Year Outcomes after Monitoring, Surgery, or Radiotherapy for Localized Prostate Cancer. N Engl J Med. 13 de outubro de 2016;375(15):1415–24.

3. Cooperberg MR, Carroll PR. Trends in Management for Patients With Localized Prostate Cancer, 1990-2013. JAMA. 7 de julho de 2015;314(1):80.

4. Saika T, Miura N, Fukumoto T, Yanagihara Y, Miyauchi Y, Kikugawa T. Role of robot-assisted radical prostatectomy in locally advanced prostate cancer. Int J Urol. janeiro de 2018;25(1):30–5.

5. Sooriakumaran P, Pini G, Nyberg T, Derogar M, Carlsson S, Stranne J, et al. Erectile Function and Oncologic Outcomes Following Open Retropubic and Robot-assisted Radical Prostatectomy: Results from the LAParoscopic Prostatectomy Robot Open Trial. Eur Urol. abril de 2018;73(4):618–27.

6. Srougi V, Tourinho-Barbosa RR, Nunes-Silva I, Baghdadi M, Garcia-Barreras S, Rembeyo G, et al. The Role of Robot-Assisted Radical Prostatectomy in High-Risk Prostate Cancer. J Endourol. março de 2017;31(3):229–37.

7. Ilic D, Evans SM, Allan CA, Jung JH, Murphy D, Frydenberg M. Laparoscopic and robotic-assisted versus open radical prostatectomy for the treatment of localised prostate cancer. Cochrane Urology Group, organizador. Cochrane Database Syst Rev [Internet]. 12 de setembro de 2017 [citado 5 de março de 2018]; Disponível em: http://doi.wiley.com/10.1002/14651858.CD009625.pub2


30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo